Nossa Senhora do Livramento

Título de origem portuguesa. Com a morte de Dom Sebastião, as tropas do Rei Filipe II da Espanha invadiram o território português. Todos os fidalgos que se negaram a aceitar a soberania espanhola foram presos. Entre estes encontrava-se Rodrigo Homem de Azevedo. Sua esposa recorreu a Nossa Senhora, que lhe apareceu durante nove noites, dizendo:

"Não te agastes, eu, que tudo posso, o livrarei. Se puderes, em algum tempo, edificar-me-ás uma casa". Ao final da novena, Rodrigo Homem recebeu ordem de voltar para casa. Em agradecimento, o fidalgo mandou fazer uma imagem de Nossa Senhora do tamanho e forma da visão que sua esposa tivera em sonhos.


Nossa Senhora do Livramento

Devido às palavras da Virgem: "Eu o livrarei", deu-lhe o título de Senhora do Livramento. A primeira mulher de Rodrigo faleceu. Sua segunda esposa, ao saber do ocorrido, animou-o a construir a Ermida do Livramento.

Nossa Senhora do Livramento! Rogai por nós, que recorremos a Vós!